Marrakech: as cores da cidade vermelha!

Marrakech: as cores da cidade vermelha!

Situada entre a costa africana, a cordilheira nevada do Atlas e a aridez do Saara, Marrakech oferece uma exótica viagem, com direito a um pouco dessas três experiências  distintas e muitas outras. Na cidade mais famosa e movimentada do Marrocos, não faltam atrações curiosas para encher o roteiro do viajante com passeios, a bagagem com compras, e a máquina com fotos, sempre muito coloridas. Embarque nesse destino e descubra um pouco sobre a quente Cidade Vermelha!

Conheça Marrakech e outras cidades marroquinas com os pacotes do Zarpo

Das telas para o roteiro de viajantes do mundo

Linda vista de Marrakech

O Marrocos e seu exotismo ganharam a atenção do mundo após o filme “Casablanca”, romance de 1942, com cenário “inspirado” na cidade portuária de mesmo nome. Em terras tupiniquins, brasileiros tiveram seu imaginário construído com “O Clone”, novela global de 2001, com muitas cenas gravadas nas cidades marroquinas. Por traz do que as telas mostraram, o país africano tem muito mais para revelar, oferecendo uma experiência que vai além do deserto e da cultura mulçumana.

Marrakech é o principal destino do Marrocos quando o assunto é turismo. E, o assunto turismo, nos últimos anos, virou frequente, com resorts luxuosos, restaurantes estrelados e até baladas atraindo a jet set toda para a cidade marroquina. Turbulento, o centro da cidade é um eterno vai e vem de carros, motocicletas, bicicletas, carroças e pedestres, que não parecem seguir nenhuma lei de trânsito.

Souks - Marrakech

Ir a Marrakech e não gastar muitos Dirhams (moeda oficial do Marrocos) é uma missão difícil! Na Medina, distrito histórico da cidade, uma das mais interessantes atrações, são os Souks, coloridos mercados de rua, com uma variedade de produtos inacreditável. Em suas ruas labirínticas, turistas e locais compram tapetes, lenços, roupas, calçados, especiarias, antiguidades, artesanato, bolsas, artigos em couro, prata e ouro… Um mundo de coisas, que não há como o turista não cair em tentação. A barganha faz parte do ritual de compras, então sempre peça desconto, porque os comerciantes vão dar um primeiro valor bem mais alto.

Praça Jemaa el-Fna - Marrakech

No meio da Medina, a Praça Jemaa el-Fna é outra atração essencial no roteiro de quem viaja para Marrakech. Na praça, movimentada de dia e, principalmente à noite, o viajante se depara com diferentes, inusitados e curiosos “espetáculos de rua”. Homens comendo fogo ou vidro, cartomantes, tatuadoras de henna, adestradores de macacos, músicos, contadores de histórias curandeiros, encantadores de serpentes, dançarinos, entre outros espetáculos, mais marroquinos impossível.

Seja para interagir com os locais, apenas observar o movimento da praça, do terraço de um dos restaurantes e bares, tomar um típico suco de laranja ou experimentar iguarias marroquinas, esse é um dos passeios, no qual, o viajante mais sente a cultura e os costumes dos locais.

Mesquita Koutoubia - Marrakech

Quem não é mulçumano, não pode entrar nas mesquitas, exceto na Mesquita Hassan, situada em Casablanca. No entanto, nada impede que os viajantes registrem, do lado de fora, a imponência da Mesquita Koutoubia e seu minarete, que pode ser visto a 30 km de distância.

Palácio Bahia - Marrakech

Marraquech é um destino que, além das compras, rende muitas e lindíssimas fotos. Ir à Madersa Ben Youssef, para apreciar os detalhes da arquitetura marroquina é indispensável. O local que abrigava uma escola de estudo ao Alcorão, hoje é um museu sobre o tema que atrai muitos visitantes. Outro que impressiona com uma rica e colorida composição de azulejos, mosaicos, portas e janelas, é o Palácio da Bahia, uma das mais importantes obras da cidade.

Pra lá de Marrakech

Essaouira - Marrakech

Além da vibrante Marrakech, o Marrocos tem muito o que mostrar aos seus visitantes. Ir a Essaouira, tranquila cidade costeira, situada a cerca de 170 km de Marrakech, é um passeio comum de bate volta entre os turistas. A praia não é muito convidativa para um mergulho, pois a água é muito fria e venta bastante, o que favorece a prática de windsurf e kitesurf. As atrações da cidade litorânea ficam por conta do Mercado de Peixes, do Forte de Essaouira com muralhas e canhões, da Medina e dos souks que, diferente do frenesi de Marrekech, são bem mais tranquilos.

Deserto do Saara - Marrakech

Ir ao Marrocos sem se sentir uma formiguinha em meio a imensidão avermelhada do Saara, é um pecado turístico. Para conhecer o deserto, a partir de Marrakech, o passeio é longo e pode levar dias, com paradas em cidadezinhas que enchem a viagem de experiências e paisagens lindas. Em Marrakech, o viajante encontrará muitas agências de viagens que oferecem diferentes passeios, como safáris pelas dunas com camelos e acampar no deserto.

Cordilheira do Atlas - Marrakech

Conhecer Marrakech é uma das experiências mais incríveis que um viajante pode vivenciar. É daquelas trips que entram na lista de lugares para conhecer antes de morrer! Além de render um mergulho pela cultura, arquitetura, sabores e costumes do Marrocos, com direito a muitas compras e sentir as areias de uma praia e também do deserto, o viajante ainda pode completar o roteiro com um passeio às Cordilheiras dos Atlas, com paradas em vilarejos berberes.

Aproveite as tarifas especiais dos pacotes do Zarpo e conheça a exótica Marrakech!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *