Praia de Itacoatiara: descubra o lado de lá da Guanabara!

Praia de Itacoatiara: descubra o lado de lá da Guanabara!

Paisagens deslumbrantes e um clima delicioso: sim, esse é o Rio de Janeiro! Um dos destinos mais procurados do Brasil que soma praias lindas, natureza exuberante e cidade desenvolvida, além de acolher todos os anos milhões de turistas. Se você já visitou a “Cidade Maravilhosa” e se surpreendeu com seus encantos, provavelmente, quando visitar de novo irá ter novas e incríveis descobertas. Quer apostar? Uma delas é a Praia de Itacoatiara, em Niterói. A Mag atualizou esse artigo para você saber muito mais sobre esse destino!

Reserve nos melhores hotéis do Rio de Janeiro com tarifas promocionais

Partiu conhecer Niterói

museu-niteroi

O Rio de Janeiro oferece aos seus visitantes, muitos passeios e pontos turísticos, por isso, é quase impossível descobrir todos os lugares em uma só viagem. Entre gringos e cariocas, na região leste do estado está a cidade de Niterói, onde se encontra a Praia de Itacoatiara, localizada na Serra da Tiririca. Vem conhecer!

Desfrute de um relaxante passeio de barca para chegar até Niterói e conhecer a charmosa Praia de Itacoatiara.

Uma das mais deliciosas opções de passeios para quem já viu muito da capital e quer descobrir cenários ainda mais lindos que os espalhados por lá, é pegar a barca ou a ponte Rio-Niterói e se mandar para o lado de lá da Guanabara, na cidade de Niterói. Logo de cara você pode pensar em voltar imediatamente para a capital. Eu pensei! E, só mudei de ideia depois de quase 1 hora rodando em um ônibus rumo à praia indicada pelos “garotox” da banca, logo na saída da barca. Barca, não balsa, como as “garotax” nos corrigiram no ponto.

A quase perfeita Praia de Itacoatiara

Conheça a melhor praia de Niterói, a Praia de Itacoatiara.

Ao descer da barca a pergunta foi: qual a melhor praia de Niterói? Os meninos responderam em coral: Praia de Itacoatiara! Persistimos até ela, mesmo após ver muitas plaquinhas de outras praias oceânicas, ou seja, as praias banhadas pelo mar aberto que, diferente das banhadas pela Guanabara, são mais belas e próprias para banho.

Demorou, mas chegou e seguimos o fluxo de quem também estava no ônibus à espera dela. Uma entradinha em meio a vegetação e WOW! Enfim estávamos na linda Praia de Itacoatiara! Areia branca e fofa, mar azul com ondas (aterrorizantes para mim e perfeitas para surfistas), à esquerda um enorme costão de pedra (que é possível chegar ao topo através de trilha fácil) e um pouco mais ao fundo morros verdes que podem ser o “Pão de Açúcar de Niterói”. No canto direito uma grande pedra mar adentro, que pode ser o “Arpoador de Niterói”, esconde uma prainha que, protegida pelas ondas, é o playground da criançada.

Curte Surf? Visite a Praia de Itacoatiara e desbrave as altas ondas dessa pacífica praia.

Ao longo de toda a areia uma boa quantidade de banhistas, em sua maioria jovens, daqueles que nesses momentos chamamos de “público bonito”. Dentro do mar, apenas surfistas desafiavam as altas ondas do mar bravo, e à beira alguns poucos corajosos se atreviam a levar ondas na cara e rolar na areia com muitos caldos. Apesar de ser a mais movimentada de Niterói, a Praia de Itacoatiara não chega nem perto de ser tão cheia quanto as famosas da capital e, olha que era segunda-feira, véspera do feriado de Tiradentes.

Além da areia e do mar

praia-piratininga-zarpo-magazine

Se você já curtiu a praia, o que acha de fazer uma trilha com cerca de 2 horas, e admirar de cima o lindo visual? É no Parque Estadual da Serra da Tiririca que sua aventura está lhe aguardando. O essencial para percorrer todo o caminho sem problemas é levar protetor solar, boné ou chapéu, óculos de sol, tênis, luvas de neoprene (caso queira, para evitar queimar ou machucar as mãos na pedra), água, algo leve para comer, e caso queira dar um mergulho na praia após da trilha, leve uma roupa de banho. Logo de cara, já aparecem as escadas naturais, em seguida, é necessário “escalar” uma pedra íngreme, por isso, não deixe de usar as luvas e redobre a atenção durante o trajeto. Depois, basta caminhar na subida que fica mais leve e admirar a paisagem das praias de Itacoatiara, Itaipu e Lagoa de Piratininga!

Por que a Praia de Itacoatiara é quase perfeita?

A quase perfeita Praia de Itacoatiara.

Quanto mais selvagem e vazia é uma praia, isso quase sempre significa que a infraestrutura será precária. Na Praia de Itacoatiara você não precisa levar alimentos e bebidas. Na areia algumas barracas vendem cervejas e refrigerantes, ambulantes passam vendendo gostosos sanduíches naturais e no calçadão há quiosques bonitinhos e com opções variadas no cardápio (no 1º da orla saboreamos uma deliciosa porção de nachos enquanto a noite caía).

O que falta então? Banheiros. Pois é, não tem. Não tem na orla, não tem nos quiosques, não tem nos comércios dos arredores, até porque as ruas paralelas são muito residenciais e quase não têm comércios. E aí, meu amigo, é que a Praia de Itacoatiara deixa de ser perfeita! Ou você faz uso da natureza, como a moça do quiosque recomendou, ou segura suas emoções na hora de tomar as cervejinhas.

A Praia de Itacoatiara está prestes a tornar-se de fato perfeita, pois existem rumores da criação de uma base com banheiro na orla. Vamos torcer!

Há rumores de que será construída uma base com banheiro na orla. Aguardamos ansiosos, porque com exceção à falta de banheiros, a Praia de Itacoatiara é sim perfeita!

Conheça a Praia de Itacoatiara se hospedando nos hotéis parceiros do Zarpo!



Comentários

  • Nossa, essa praia é maravilhosa…. As ondas são muito bravas, mas mesmo assim compensa sair das praias sempre lotadas do Rio de Janeiro para passar o dia nela. Mas banheiro é como a moça disse mesmo: na natureza hahaha pena!

    Seu comentário
  • Mas como nem tudo são flores, graças à visitação incontrolável de forasteiros de uma certa cidade vizinha, Itacoá está perdendo o glamour e deixando de ser o nosso paraíso perfeito…
    Nós moradores de Niterói estamos cada dia mais tristes com esta situação. FORA GONÇALENSES MAL EDUCADOS!!!!!!!!

    Seu comentário
  • Pingback: 5 lugares do Rio de Janeiro para viajar! | Zarpo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *