Vale dos Vinhedos: o paraíso dos enófilos!

Vale dos Vinhedos: o paraíso dos enófilos!

Para uma viagem pelo delicioso mundo dos vinhos, com direito a visitas às vinícolas, degustações e jantares harmonizados, não é necessário sair do país rumo à Mendoza ou Itália. Situado a cerca 130 km de Porto Alegre, na bela região da Serra Gaúcha, o Vale dos Vinhedos é um tesouro brasileiro, mas até lembra as cidades italianas, herança dos imigrantes que chegaram em 1875 e implantaram a viticultura no Rio Grande do Sul. Vem comigo descobrir as cores, cheiros e sabores do Vale dos Vinhedos?!

Hospede-se com os descontos especiais do Zarpo e conheça o Vale dos Vinhedos

Vocação para o vinho

Vale dos Vinhedos

Foi com a imigração dos italianos que a viticultura se firmou no Vale dos Vinhedos, mas a percepção de que o terroir (solo e clima) da região era bom, veio muito antes, com o padre jesuíta Roque Gonzáles de Santa Cruz, em 1620. Suas videiras sumiram, assim como muitas outras tentativas não vingaram, mas a partir da década de 70, a região começava a se tornar a principal produtora de vinhos do Brasil.

Hoje, em Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul, municípios que compõem o Vale dos Vinhedos, estão dezenas de vinícolas, desde as pequenas e familiares, até as de grande porte e com participação de marcas internacionais. O sucesso dos vinhos do Vale dos Vinhedos se dá graças as características únicas do solo, clima, topografia e a cultura estabelecida pelos imigrantes italianos.

365 dias de vinho

Vale dos Vinhedos

Durante todo o ano é possível visitar o Vale dos Vinhedos, aproveitando a cada estação, uma experiência diferenciada. Nos dias quentes do verão, o perfume da uva está por toda a parte. É a época da vindima. Neste período os visitantes podem participar da colheita das uvas junto dos camponeses, além de aproveitar a natureza local, com trilhas, passeios pelos vinhedos de 4×4 e de bike, piqueniques, entre outras atividades, organizadas pelas vinícolas.

No outono, as paisagens verdes ganham uma linda atmosfera europeia, com tons avermelhados e dourados. No inverno, as baixas temperaturas da Serra Gaúcha não espantam os visitantes que, encontram calor nas taças de vinhos e na caprichada culinária dos restaurantes e queijarias da região. Cores e perfumes são acrescentados aos belos cenários, com as flores da primavera.

As vinícolas imperdíveis do Vale dos Vinhedos

Vale dos Vinhedos - Casa Valduga

Não pode faltar no roteiro uma visita à Casa Valduga, a primeira a abrir suas portas para o enoturismo. A vinícola possui a maior adega de espumantes da América Latina, e em seu complexo enoturístico oferece uma experiência completa para o visitante, com direito a restaurante italiano, boutique para adquirir os vinhos da casa e uma pousada confortável para oferecer um mergulho ainda maior neste mundo.

Outra clássica no Vale dos Vinhedos é a Aurora, a maior vinícola do Brasil, fruto da união de mais de mil famílias produtoras de uvas. Sua localização, no centro da cidade de Bento Gonçalves, facilita a visita, que começa com uma breve apresentação da história do vinho, passando por todo o processo de fabricação e, claro, termina em degustação.

Museus de São Paulo

A Vinícola Larentis foi inaugurada em 2001, mas suas uvas nobres já eram cultivadas para consumo próprio, pelo patriarca da família, Arcangelo Gabriele Larentis, desde 1876. Administrada desde o começo pelos herdeiros, que cuidam de cada detalhe com muita dedicação, a vinícola oferece uma prazerosa experiência para seus visitantes. Dentre as atividades elaboradas para as diferentes estações do ano, tem poda, piquenique nos vinhedos e colheita noturna.

Visite o Vale dos Vinhedos, faça uma reserva com tarifas exclusivas nos hotéis do Zarpo!



Comentários

  • Que maravilha! Nessas percebemos como não conhecemos direito o nosso próprio país. Já fui para Mendoza visitar vinícolas, foi fantástico, mas nem imaginava que no sul do país tinha uma rota de vinhos dessa qualidade. Obrigado Zarpo, pelas dicas sempre muito bem selecionadas.

    Seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *