Os 5 melhores destinos da América Latina!

Os 5 melhores destinos da América Latina!

Verdade seja dita: não está fácil viajar para fora do Brasil com a moeda do Tio Sam pendurada em um foguete. Mas, para quem quiser ter o gostinho de atravessar a fronteira, sem ter que deixar o rim na casa de câmbio, os países da América Latina são ótimas oportunidades nessa época de crise. E, de quebra, para curtir alguns destinos latino-americanos, não é necessário ter passaporte. Uma boa oportunidade para os turistas de primeira viagem ao exterior!

Encontre no Zarpo as melhores ofertas para viajar para a América Latina

As várias faces da nossa hermana

Buenos Aires

Argentina é um dos países da América Latina mais visitados pelos brasileiros. A nossa vizinha de fronteira oferece turismos bem distintos, mas um, na certa, irá encantar você. Sem dúvidas, o mais popular é a capital portenha. Buenos Aires é uma bela e cosmopolita cidade, com ótimas atrações culturais e bem peculiares, como os shows de tango, a gastronomia que se destaca por suas parrilas (churrasco argentino), a noite animada nos diversos bares e boliches (baladas), as feirinhas de artesanato com músicos e artistas de rua, e o estilo próprio que o viajante encontra em cada bairro da cidade.

Mendoza

Já na cidade de Mendoza, o cenário de cidade dá lugar à imponente Cordilheira dos Andes e inúmeros vinhedos. A grande atração são as vinícolas, que podem ser visitadas e oferecem passeios pelas plantações, explicação do processo de fabricação do vinho e deliciosas degustações. Apesar da fama ser quase exclusiva ao vinho, Mendoza também rende muitas aventuras em meio à sua natureza exuberante, composta por rios, montanhas e vales.

Bariloche

Quem quer ver neve, não precisa correr para a Europa! Na América Latina, a cidade de Bariloche deslumbra os seus visitantes com os floquinhos brancos. No inverno, a pedida é esquiar, praticar snowboard e passear de teleférico. Já no verão e na primavera, a neve derrete, dando a vez para uma natureza exuberante. É o momento de fazer windsurfe e passear de barco no lindíssimo Lago Nahuel Huapi, ainda mais azul nos dias claros do verão.

Patagônia Argentina

Se em Bariloche a temperatura caiu, na Patagônia Argentina, o mais gelado destino da América Latina, o inverno é muito intenso, chegando aos – 20° C. A região tem o terceiro maior campo de gelo do planeta, só perde para a Antártida e para a Groelândia. A diversão fica por conta das geleiras, como o Perito Moreno. A geleira que mede 60 metros de altura, é o único glaciar do mundo que não perde tamanho, pelo contrário, cresce cerca de 2 metros por dia.

Colômbia? Si, por que no?

Colômbia - Bogotá

Outro destino da América Latina, vizinha de fronteira que também merece entrar na sua lista de futuras viagens é a Colômbia. Se ao pensar nesse país latino-americano só vem Bogotá e uma imagem de violência e trafico em sua mente, você precisa rever os seus conceitos sobre o destino. Bogotá é como São Paulo, uma grande e populosa cidade, com museus, restaurantes, bares, atrações históricas, trânsito e poluição, como toda grande e populosa cidade costuma ter. Mas, na Colômbia tem litoral, meus caros, e um belo litoral banhado pelo azul caribenho.

Cartagena das Índias - Ilha de Baru

Situada a cerca de 1000 km da capital colombiana, Cartagena das Índias é um destino que mistura os encantos do período histórico com belas praias caribenhas. No centro da cidade, o visitante volta no tempo, passeando pelas ruas de pedras, sobre as antigas muralhas e fortes, e visitando lojas, restaurantes e bares que funcionam em adoráveis casinhas coloniais, coloridas e avarandadas. Apesar da cidade ser banhada pelo mar, a real experiência caribenha, é alcançada a cerca de 1 hora da cidade, na paradisíaca Playa Blanca, na Ilha de Baru.

Ilha de San Andrés

Para encontrar um cenário ainda mais fiel ao paraíso caribenho, sem sair da América Latina, a Ilha de San Andrés é mágica. Apesar dos seus míseros 26 km² de extensão, a pequena ilha oferece praias de areia branca e mar azul, mas não qualquer azul. O destino ficou conhecido como “Mar de Sete Cores”, por exibir um mar caribenho que mais lembra uma paleta de cores.

Apenas vá descobrir o Peru!

Lima

O país que também faz fronteira com terras tupiniquins precisa estar na lista de todo bom viajante brasileiro que almeja conhecer os quatro cantos do mundo. Lima é a capital, e não foge à regra das movimentadas e cosmopolitas capitais. Nela, há atrações históricas, culturais, sítios arqueológicos e excelentes restaurantes, que renderam à cidade o título de capital gastronômica da América Latina.

Cusco

Cusco, a antiga capital do Império Inca, é famosa por ser o ponto de partida para Machu Picchu, mas suas atrações já valeriam a visita. Além das riquezas arquitetônicas, que exibem a mistura das construções incas e espanholas, a vida noturna de Cusco é agitadíssima. Depois de jantar nos bons restaurantes, as casas noturnas e bares justificam uma esticadinha noite adentro. Conhecida como Capital Arqueológica da América Latina, também não podem faltar visitas aos sítios, como a fortaleza de Sacsayhuaman e Tambomachay.

Machu Picchu

O que leva muitos viajantes ao Peru, apesar de todas as suas atrações interessantes, é, de fato, Machu Picchu. Misteriosas e místicas, as famosas ruínas da cidade perdida dos Incas, estão situadas a 2.500 metros de altitude, desde o século 15. A viagem dura de 4 a 5 dias, mas a energia do local e a avançada engenharia dos incas, em tempos tão remotos, compensa (e muito!) todo o esforço.

Os mares do Uruguai

Montevidéu

Apesar de pequeno, o Uruguai é um país com boas atrações para os viajantes que gostam de praia, compras e agito. A capital Montevidéu é puro charme! Limpa, organizada, bem arborizada, com prédios históricos, praças bonitas, ótimos restaurantes, atrações culturais e, na falta de um mar, Montevidéu é banhada pelo Rio de La Plata, o mais largo do mundo.

Punta del Este

A cerca de 13o km, o viajante encontra mar de verdade. Punta del Este, o balneário mais famoso e cobiçado do litoral uruguaio, é destino de praias, ondas, compras, cassinos, festas e alta gastronomia. A apenas 30 km, praias menos badaladas e o clima mais extravagante de Punta, é trocado por uma atmosfera mais roots e areias tranquilas. José Ignácio, antigo povoado de pescadores, é um refúgio ao estilo hippie chic, ideal para quem quiser uma pausa na badalação da vizinha.

Os extremos da América Latina

Santiago

Outro país da América Latina que rende diferentes tipos de turismo é o Chile! Santiago é a capital e, apesar de bem urbana, conta com os cenários da imponente Cordilheira dos Andes ao fundo, emoldurando os prédios modernos e históricos. Santiago é uma cidade para ser explorada em dias de viagem. É um destino com muitos museus, igrejas históricas, belos parques verdes, gastronomia e baladinhas.

Patagônia Chilena - Deserto do Atacama

Quem deseja temperaturas abaixo de 0°C, a Patagônia Chilena é o lugar! A região inóspita, oferece uma viagem embalada por paisagens estonteantes de montanhas nevadas, geleiras, fiordes, vales, rios e lagos azuis. Mudando da água para o vinho, no caso, do gelo para o deserto, o árido Deserto do Atacama pode atingir 30° C durante o dia. Temperatura que muda radicalmente quando anoitece, chegando a marcar 4° C no inverno.

O Zarpo está cheio de pacotes promocionais para você desbravar a América Latina!



Comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *